Bolsas de estudo do UDF para o 2º semestre de 2021

A Comissão do Programa de Concessão de Bolsas de Estudos da Secretaria de Estado de Economia do Distrito Federal (SEEC) publicou, no dia 7 de junho 2021, no Diário Oficial do Distrito Federal, o Edital nº 1/2021, referente ao processo seletivo para concessão de bolsas de estudo para o segundo semestre de 2021, junto ao Centro de Ensino Unificado do Distrito Federal (UDF).

As inscrições estão abertas do dia 21 ao dia 23 de junho, para a sociedade civil, e nos dias 24 e 25 de junho, para os servidores e empregados públicos do GDF. Serão oferecidas 72 vagas destinadas às bolsas de estudo

As inscrições para o programa estão abertas do dia 21 ao dia 23 de junho, para a sociedade civil, e nos dias 24 e 25 de junho, para os servidores e empregados públicos do Governo do Distrito Federal (GDF). O candidato deverá preencher o formulário de inscrição eletrônico e anexar a documentação necessária. Ao todo, serão oferecidas 72 vagas, destinadas às bolsas de estudo, número referente a 10% de todas as vagas abertas nos cursos ofertados pela instituição.

O candidato contemplado terá direito a bolsa integral para cursar o ensino superior no UDF, até o final do curso. Como nas edições anteriores, as bolsas são destinadas aos servidores públicos efetivos e aos empregados públicos do Distrito Federal bem como à sociedade civil. Para este último grupo, é necessário ter cursado e concluído os três anos do ensino médio em escola(s) da rede pública de ensino do DF, ter realizado a última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ano de 2020, e ter obtido média mínima de 500 pontos no exame e nota mínima de 500 pontos na redação, além de ter comprovada hipossuficiência de renda familiar.

Os cursos mais concorridos na edição do primeiro semestre de 2021 foram Direito, Psicologia e Fisioterapia

A presidente da Comissão de Seleção das Bolsas de Estudo, Carolina Oliveira, falou sobre a importância do Programa. “É um projeto que muito nos motiva, vez que contribui para a capacitação dos servidores e dos empregados públicos bem como de cidadãos que almejam a formação acadêmica de nível superior. Como resultados, são esperadas a melhoria na qualidade dos serviços públicos e, para a sociedade civil, mais chance de ingresso no mercado de trabalho, cada vez mais competitivo”, afirmou Carolina.

O Programa, que existe desde o final da década de 1960, vem sendo aprimorado a cada edição, a fim de garantir oportunidade de acesso totalmente gratuito ao ensino superior. Os cursos mais concorridos na edição do primeiro semestre de 2021 foram: Direito, Psicologia e Fisioterapia. Além desses, há vagas para Administração, Ciência Política, Ciências Contábeis, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Pública, Relações Internacionais, entre outros.

Para saber mais informações sobre o processo de inscrição, acesse o link http://egov.df.gov.br/processo-seletivo-2o-semestre-de-2021/.

Confira abaixo as vagas disponíveis:

 CURSO
MATUTINO
NOTURNO

Servidor e empregado público
Sociedade civil
Servidor e empregado público
Sociedade civil

Administração

(Bacharelado)
1
1
1
1

Biomedicina (Bacharelado)
1
1
1
1

Ciência Política (Bacharelado)


1
1

Ciências Biológicas (Bacharelado)

1
1
1

Ciências Contábeis

(Bacharelado)

1
1
1

Direito (Bacharelado)
1
2
1
2

Educação Física (Bacharelado)

1
1
1

Educação Física

(Licenciatura)

1
1
1

Fisioterapia (Bacharelado)
1
1
1
2

Gastronomia (CST)
1
1
1
1

Gestão de Recursos Humanos (CST)

1
1

Gestão Pública (CST)


1
2

História (Licenciatura)
1
1

Jornalismo (Bacharelado)
1

1
1

Letras Português/Inglês (Licenciatura)
1
1
1
1

Nutrição (Bacharelado)
1
2
1
2

Pedagogia (Licenciatura)
1
2
1
2

Publicidade e Propaganda (Bacharelado)
1
1

1

Radiologia (Tecnólogo)
1
1
1
1

Relações Internacionais (Bacharelado)


1
1

Total por curso/turno
12
19
18
23

TOTAL GERAL
72

Serviço

Programa de Concessão de Bolsas de Estudo junto ao Centro de Ensino Unificado do Distrito Federal (UDF)
Inscrições: de 21 a 23 de junho (para a sociedade civil) e 24 e 25 de junho (para servidores e empregados públicos do GDF)
Público-alvo: servidor titular de cargo efetivo e empregado público ocupante de emprego permanente na Administração Direta e Indireta do Distrito Federal e sociedade civil, compreendidos os alunos egressos da rede pública de ensino do Distrito Federal, com comprovada hipossuficiência de renda

 

*Com informações da Secretaria de Economia

 

Fonte: Agência Brasília